Como Investir Dinheiro
Home » Economia » Como declarar imposto de renda 2021: Guia Completo

Como declarar imposto de renda 2021: Guia Completo

8 de março de 2021 - views Como declarar imposto de renda 2021: Guia Completo

De acordo com o cronograma da Receita Federal, os brasileiros precisam enviar a declaração do imposto de renda 2021 entre os dias 1º de março e 30 de abril deste ano.

Vale destacar, que não são todos os brasileiros que precisam preencher e enviar a declaração de imposto de renda, mas apenas aqueles que cumprirem alguns dos requisitos que torna o envio da declaração um obrigatoriedade.

Possui dúvidas em relação à declaração de imposto de renda 2021? Então não deixe de conferir até o final esse guia completo que o Como Investir Dinheiro preparou para retirar todas as suas dúvidas relacionadas ao Imposto de Renda.

Quem deve declarar o Imposto de Renda 2021?

De acordo com a Receita Federal, devem declarar o Imposto de Renda 2021, os brasileiros e residentes no país que cumpra ao menos um dos seguintes requisitos:

  • Tenha recebido rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 durante o ano de 2020;
  • Quem recebeu rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte em valor superior a R$ 40.000,00 durante o ano de 2020;
  • Quem recebeu durante o ano base 2020, valores relacionados a venda de bens e direitos;
  • Pessoas que possuem patrimônio superior a R$ 300 mil reais;
  • Estrangeiros que residem no Brasil ou que residia até 31.12.2020;
  • Quem exerce atividade rural e teve receita bruta acima de R$ 142.798,50.

De acordo com dados divulgados pela Receita Federal, no último ano foram entregues aproximadamente R$ 32 milhões de declarações de imposto de renda.

No entanto, para esse ano, um número ainda maior de declarações é esperado, uma vez que muitas pessoas que receberam o auxílio emergencial precisam declarar o imposto de renda.

Recebi o auxílio emergencial, preciso declarar o Imposto de Renda?

De acordo com a Receita Federal, contribuintes que tenham recebido o auxílio emergencial e que tenham acumulado rendimentos tributáveis acima de  R $22.847,76 devem obrigatoriamente declarar o imposto de renda.

Além disso, essa parcela da população deverá restituir o Governo Federal, devolvendo o auxílio recebido durante o ano por meio da Guia DARF gerada pelo próprio software da Receita.

A expectativa do fisco é que cerca de 3 milhões de pessoas que receberam o auxílio emergencial, devolvam o benefício por meio da declaração do Imposto de Renda.

Quais despesas podem ser deduzidas do imposto de renda?

Quais despesas podem ser deduzidas do imposto de renda?

Algumas despesas podem ser deduzidas da base de cálculo do imposto de renda, garantindo significativa economia para o contribuinte. São elas:

  • Até R$ 2.275,08 por dependente, atendidas as regras da Receita;
  • Até R$ 3.561,50 com despesas comprovadas relacionadas a educação do próprio contribuinte e dos seus dependentes;
  • Despesas relacionadas a tratamentos de saúde e despesas médicas em geral;
  • Até 12% dos rendimentos tributáveis por Previdência Complementar.

Quais são os documentos necessários para declarar o Imposto de Renda 2021?

O contribuinte que precisa declarar o imposto de renda, precisa reunir uma série de documentos, tanto pessoais, como também dos seus dependentes, além de comprovantes e informes de rendimento.

Confira na lista abaixo, os documentos que você deve separar para preencher o seu imposto de renda 2021:

  • CPF do titular e também dos seus dependentes;
  • Comprovante de endereço atualizado;
  • Número do recibo da declaração do ano anterior;
  • Informes de rendimentos bancários;
  • Informe de rendimentos entregue pela sua empresa;
  • Documentos que comprovam a compra e venda de bens;
  • Documentos que comprovem a propriedade de imóveis e veículos;
  • Comprovantes de despesas médicas e despesas escolares;
  • Dados Bancários.

Para que a declaração não apresente divergências ou acabe na malha fina, o melhor a se fazer é organizar toda a documentação necessária e exigida pelo fisco, antes de enviar o imposto de renda 2021.

Qual o prazo de entrega e o período de restituição do Imposto de Renda?

Qual o prazo de entrega e o período de restituição do Imposto de Renda?

Conforme comentamos anteriormente, o prazo para entrega do imposto de renda começou em 1º de março e vai até o dia 30 de abril.

Por sua vez, o calendário de restituição do imposto de renda, está dividido em 5 lotes, a serem liberados, conforme o seguinte cronograma:

  • 1º Lote: 31 de maio;
  • 2º Lote: 30 de junho;
  • 3º Lote: 30 de julho;
  • 4º Lote: 31 de agosto;
  • 5º Lote: 30 de setembro.

O que acontece com quem não envia o Imposto de Renda?

Vale lembrar, que aquele que não enviar a declaração de imposto de renda 2021 dentro do prazo fica sujeito a uma série de sanções. Dentre elas:

CPF irregular: O contribuinte que deixa de enviar a sua declaração de imposto de renda no prazo, pode ficar com o CPF irregular, ficando, portanto, impossibilitado de obter empréstimos e financiamentos e participar de concursos públicos, dentre outras implicações.

Pagamento de multa e juros: Contribuintes que deixam de enviar a declaração de imposto de renda no prazo devido, ficam sujeito ao pagamento de multa equivalente a 20% do imposto devido, acrescido de juros.

Sanções judiciais: Em última instância, os contribuintes que deixarem de entregar o imposto de renda 2021, ou o entregarem com informações divergentes, podem ser convidados a prestar esclarecimentos na Receita Federal ou até mesmo perante a justiça.

Vale lembrar, que deixar de enviar a declaração de imposto de renda ou enviar a mesma com informações incompletas pode configurar crime de sonegação fiscal, cuja pena varia de multa a 5 anos de prisão.

Como declarar o Imposto de Renda 2021?

Para enviar a sua declaração de imposto de renda 2021, acesse o site da Receita Federal, clicando aqui e faça o download do programa.

O aplicativo para preenchimento e envio do imposto de renda 2021, está disponível para os seguintes sistemas operacionais:

  • Windows;
  • Linux;
  • MacOS.

A partir deste ano, quem preferir também poderá preencher a declaração diretamente no site do e-cac ou então através do app Meu Imposto de Renda disponível para dispositivos Android e iOS.

Por fim, agora que você já retirou as suas principais dúvidas relacionadas ao imposto de renda 2021, é hora de separar os documentos e preencher a sua declaração.

Vale destacar, que os contribuintes que entregam com antecedência a declaração, costumam receber a restituição logo nos primeiros lotes.

Relacionados

Deixe seu comentário

© 2022 - Como Investir Dinheiro