Como Investir Dinheiro
Home » Fundos Imobiliários » Subscrição de fundos imobiliários, entenda como funciona!

Subscrição de fundos imobiliários, entenda como funciona!

12 de dezembro de 2019 - 17 views Subscrição de fundos imobiliários, entenda como funciona!

Se você é um novo investidor provavelmente ainda está se adaptando a uma série de siglas e palavras que envolvem o mundo dos investimentos, não é mesmo? Um dos termos que você já deve ter escutado por aí é a subscrição de fundos imobiliários.

Neste artigo, você terá a oportunidade de entender o significado da subscrição ou direito de subscrição, mas precisamente voltado para os fundos de investimento imobiliário, os FIIs.

O que é Subscrição e Direito de Subscrição?

Uma subscrição é o procedimento pelo qual uma determinada empresa que opera na bolsa de valores, deseja aumentar o seu capital, oferecendo, portanto, novas ações para venda. Então quer dizer, que uma empresa que já opera na bolsa, pode colocar novas ações no mercado, até aí tudo bem!

Agora, digamos que você seja um grande investidor e que atualmente possui 10% de todas as ações emitidas pela empresa em questão.

Para facilitar o entendimento, suponhamos que a empresa possui um lote de 10.000 ações no mercado, sendo que você é o proprietário de 1.000 delas, ou seja 10% do total.

Agora, vamos imaginar que a mesma empresa anunciou a subscrição de mais 10.000 ações, elevando o número total de ações negociadas na bolsa de valores para 20.000. Caso, você não fosse previamente comunicado para exercer o seu direito de compra das o percentual de sua participação no capital da empresa cairia pela metade, passando a ser de apenas 5%.

Para evitar que este tipo de situação ocorra, os atuais investidores são comunicados antecipadamente para que efetuem o seu direito de compra das novas ações, assim eles terão a oportunidade de manter o seu percentual de participação no quadro societário da empresa.

Em muitos casos, o acionista ainda terá a vantagem de adquirir estas novas ações por um preço menor do que o do mercado.

O direito de subscrição também ocorre nos fundos de investimento imobiliário. Você já conhece essa modalidade de investimento? Ainda não? Então, acompanhe no próximo tópico.

Entendendo o Funcionamento dos Fundos Imobiliários

subscrição-de-açõesVocê já se imaginou como o proprietário de alguns pontos comerciais? Esta é sem dúvidas, uma excelente opção de negócio, uma vez que você poderia receber de forma recorrente o valor fixado em contrato pelo aluguel do ponto comercial, não é mesmo? Essa é a ideia central dos fundos de investimento imobiliário, ao investir em um fundo você não estará adquirindo cotas de participação de uma determinada empresa, como ocorre com as ações, mas poderá receber lucros através da locação de imóveis.

Os fundos imobiliários estão voltados para aquisição e administração de imóveis comerciais, com o objetivo de auferir rendimentos para os seus investidores através das receitas de aluguel.

Os fundos de investimento imobiliário permitem que diversos investidores possam comprar pequenas cotas de um grupo de imóveis comerciais que são alugados, gerando rentabilidade para os cotistas do respectivo fundo.

Para otimizar ainda mais os resultados e minimizar possíveis prejuízos com alguns fatores, como por exemplo a inadimplência por parte de quem alugou o imóvel, um mesmo fundo imobiliário costuma ser formado por diversos pontos comerciais, distribuídos entre shoppings centers e edifícios comerciais. Sendo a sua administração realizada por analistas altamente capacitados que observam atentamente os movimentos do mercado sempre com o objetivo de alcançar as melhores taxas de rentabilidade para os investidores.

Agora, que você já conhece a lógica de funcionamento desta modalidade de investimento, vamos entender como funciona o direito de subscrição de fundos imobiliários.

Vantagens no Investimento em Fundos Imobiliários

subscrição-de-fundos-imobiliários

Os fundos imobiliários, são sem dúvidas uma excelente oportunidade de investimento no mercado de renda variável. Veja agora, algumas de suas principais vantagens:

Pagamento mensal de dividendos: Os fundos de investimento imobiliário efetuam o pagamento de dividendos aos seus cotistas seguindo uma periodicidade mensal. A grande vantagem desta característica está no fato do investidor ter a possibilidade de utilizar os rendimentos na composição de seu orçamento familiar.

Gestão profissional: Os fundos imobiliários contam com a gestão de profissionais experientes que realizam diversas análises para decidir como aplicar o seu dinheiro da melhor forma possível, sendo portanto, indicado até mesmo para investidores iniciantes e que procuram atrelar a rentabilidade oferecida na renda variável a um nível confortável de segurança.

Alta liquidez: Vender cotas de um fundo de investimentos imobiliário, é muito mais simples, rápido e prático do que vender um imóvel. Portanto, o investidor consegue obter o dinheiro investido rapidamente, caso necessário.

Rendimentos isentos de imposto de renda: O investidor de fundos imobiliários não paga imposto de renda sobre os dividendos recebidos.

Subscrição de Fundos Imobiliários

fundos-imobiliários-como-investir-dinheiro

Como falamos anteriormente, quando explicamos o direito de subscrição, este fenômeno também pode ocorrer nos fundos imobiliários.

Utilizando, o mesmo exemplo do tópico anterior, quando falávamos a respeito das ações, suponhamos que você seja detentor de 10% de todo capital investido em determinado fundo imobiliário. Porém em determinado momento, os gestores do fundo, decidem realizar uma subscrição, oferecendo novas cotas no mercado, para aumentar o capital total do fundo de investimentos, visando a aquisição de novos imóveis.

Com a subscrição, o valor total de cotas do fundo passaria a ser maior, nesta ocasião naturalmente o seu percentual de participação no capital do fundo imobiliário seria reduzido. Para que isso não aconteça e de forma semelhante ao que ocorre no mercado de ações os investidores do fundo recebem antecipadamente a opção para adquirir novas cotas provenientes da subscrição do fundo imobiliário, muitas vezes até mesmo com desconto.

Como Exercer o Direito de Subscrição de Fundos Imobiliários?

Exercer o seu direito de subscrição em um fundo imobiliário é muito simples. Como um cotista, você será informado a respeito da subscrição de novas cotas e, portanto, terá o direito de exercer a sua opção de compra.

É importante destacar que o direito de compra será concedido sempre de forma proporcional ao números de cotas que o investidor já possuía, afinal o objetivo principal aqui é permitir ao cotista que mantenha o seu percentual sobre o respectivo fundo imobiliário. Alguns fundos permitem ainda que seus investidores negociem com outros cotistas o seu direito de compra, nos casos em que não possuam interesse na aquisição de novas cotas.

Todo o processo é de compra é feito normalmente através de sua corretora de valores em um período previamente determinado pelo fundo e divulgado através do site da Bolsa de Valores. Contudo, é preciso ficar atento a um detalhe importante, as subscrições de fundos imobiliários, terminam com o numeral 12, portanto se você é detentor de cotas no fundo LGCP 11, cotas de uma possível subscrição apareceria para você como LGCP 12.

Após efetuar o pagamento da subscrição, o cotista receberá o novo ativo em um prazo de 180 dias.

Vantagens de Possuir Preferência na Subscrição de Fundos Imobiliários

Veja agora, as principais vantagens para quem possui o direito de subscrição garantido nos fundos de investimentos imobiliários.

Manutenção da sua Proporção de Cotas no Fundo de Investimentos

Esta é sem dúvidas a principal vantagem oferecida aos cotistas de um fundo, durante o período de subscrição. O direito de preferência na subscrição de um fundo imobiliário permite ao cotista optar ou não por comprar novas participações, mantendo o seu percentual no capital do respectivo fundo.

Cada investidor, deve tomar essa decisão com base em seus objetivos, contudo, caso decida por não adquirir as cotas de subscrição, a sua participação no respectivo fundo imobiliário será diluída.

Aquisição de cotas com preço reduzido

Em geral na subscrição, os atuais investidores podem adquirir as novas cotas em um valor inferior ao que será ofertado no mercado.

Possibilidade de aumentar a sua rentabilidade

Comprando novas cotas de um fundo imobiliário, você naturalmente estará aumentando os seus rendimentos futuros no respectivo fundo, o que pode ser uma excelente estratégia de negócios.

Conclusão

Chegamos a conclusão de mais um artigo interessante e enriquecedor a respeito dos fundos de investimento imobiliário. Esperamos que o conteúdo tenha agregado muito para você em termos de conhecimento sobre fundos imobiliários e a subscrição de fundos imobiliários.

Neste final de artigo, uma pergunta que você pode está se fazendo, é a seguinte: Vale a pena exercer o direito na subscrição de fundos imobiliários? Apesar de ser uma análise pessoal de cada investidor, tendo como base principal as suas estratégias e objetivos, acreditamos que ao adquirir cotas de subscrição o investidor estará fazendo um ótimo negócio, uma vez que poderá manter a sua proporção no respectivo fundo, aumentando também os seus rendimentos.

Gostou do conteúdo? Continue acompanhando o nosso site e encontre outros conteúdos interessantes a respeito do mercado financeiro.

Relacionados

3 comentários para “Subscrição de fundos imobiliários, entenda como funciona!

Deixe seu comentário

© 2022 - Como Investir Dinheiro