Como Investir Dinheiro
Home » Finanças Pessoais » Como começar a investir em 7 passos ?

Como começar a investir em 7 passos ?

29 de outubro de 2019 - 15 views Como começar a investir em 7 passos ?

Como começar a investir Explicado em 7 Passos

Aprender como começar a investir é importante para que o dinheiro passe a trabalhar para você.

No entanto, o mundo dos investimentos ainda deixa as pessoas cheias de dúvidas, receios e inseguranças.

Afinal de contas, ninguém quer se arriscar demais no começo e perder dinheiro, não é mesmo?

Além disso, é normal que haja uma certa crença de que para investir é necessário ter muito.

Entretanto, o que talvez você não saiba é que existem boas oportunidades que pedem apenas uma quantia inicial de R$ 100,00 ou até menos.

Em todo caso, abaixo você encontra as principais dicas de como investir em 7 passos.

1 – Tenha objetivos claros

Primeiro é preciso ter um objetivo, ou vários, bem estabelecidos, já que isso vai lhe guiar na sua jornada.

Afinal, você precisa saber quais as razões que lhe levam a querer ver o seu dinheiro crescer.

Ora, investir sem qualquer meta pode fazer com que você desista no meio do caminho.

Sendo assim, os objetivos funcionam como uma motivação para você mensalmente depositar o dinheiro ali na conta.

Portanto, pense no porquê investir, que pode ser:

  • Abrir seu próprio negócio;
  • Comprar uma casa;
  • Conquistar a independência financeira;
  • Fazer uma viagem em família;
  • Realizar um curso de qualificação profissional.

Existem muitas razões e não é preciso se limitar as que foram citadas aqui, já que os motivos são bem pessoais.

Em função disso, faça uma análise dos seus objetivos e comece a determiná-los para aprender como começar a investir.

2 – Estabeleça um valor para investir

Estabeleça-um-valor-para-investir-como-investir-dinheiro

Muita gente acredita que investimento é coisa de gente rica, mas a realidade é totalmente outra.

Isso porque, existem opções de ativos que você consegue comprar com R$ 30,00 por exemplo.

Entretanto, é necessário estabelecer um valor de investimento mensal superior a isso se o seu objetivo for algo grandioso.

Porém, se as finanças estão apertadas você pode começar com pouco e à medida que for “desafogando” faça aplicações maiores.

Isto posto, o importante é determinar um valor que não prejudique o seu orçamento mensal.

Por essa razão, é interessante que você passe a mapear os gastos e ganhos que você tem.

Desse modo, vai ficar mais fácil visualizar de onde o seu dinheiro vem e para onde ele vai.

Consequentemente, você se torna capaz de cortar alguns gastos e assim passa a investir com mais facilidade.

Para começar a fazer isso, use aplicativos de celular ou até mesmo planilhas do Excel.

Como os resultados que você obtém desse mapeamento defina então valor de investimento.

3 – Conheça os investimentos disponíveis

Para aprender como começar a investir você precisa conhecer as opções que estão disponíveis, não é mesmo?

Então, para iniciar fique ciente de que há 2 tipos de investimentos:

  1. Renda fixa.
  2. Renda variável.

Entenda um pouco mais sobre cada um abaixo, assim você vai ser capaz de estabelecer em qual deseja investir.

Renda fixa

A renda fixa, como o próprio nome já deixa entender, é um investimento onde a rentabilidade é previsível.

Geralmente é mais indicado para quem está iniciando, já que os riscos são mínimos e, em alguns casos, até mesmo nulos.

O bom é que existem diversos tipos de aplicações na renda fixa, como:

Renda variável

A renda variável por sua vez é um investimento atrelado a bolsa de valores, ou seja, sofre oscilações constantemente.

Dessa forma, quando você compra uma ação, por exemplo, se a empresa cresce o seu capital também cresce.

Em contrapartida, se há um declínio nessa ação os seus ganhos também vão junto.

Alguns exemplos de renda variável são:

  • Ações;
  • ETFs;
  • Commodities;
  • Contratos futuros;
  • Câmbio.

4 – Saiba o seu perfil de investidor

perfil-de-investidor-como-investir-dinheiro

Depois de conhecer os investimentos disponíveis, para aprender a começar a investir, você ainda precisa saber mais sobre o seu perfil.

Basicamente são 3 tipos:

  1. Conversador – que não deseja assumir riscos e nem comprometer os seus ganhos, por isso prefere os investimentos em renda fixa;
  2. Moderado – que assume riscos maiores quando sabe que ali existe uma boa oportunidade de ganhos, porém ele busca investir de maneira equilibrada. Desse modo, realiza investimentos tanto em renda fixa quanto variável;
  3. Agressivo – que assume os riscos mais altos e sempre quer ter uma alta rentabilidade, por isso não tem medo e, geralmente, conhece bem o mercado.

Então, segundo cada uma dessas descrições você já vai saber exatamente qual o seu perfil e assim já vai poder passar para o próximo passo.

5 – Busque uma instituição financeira

Agora é o momento de aprender como começar a investir entrando nesse mundo propriamente;

Assim, é preciso buscar por uma instituição financeira, já que elas funcionam como um canal entre você e os ativos.

Isto posto, a dica é analisar antes de fazer a sua escolha, já que a instituição precisa apresentar taxas atrativas.

Além disso, ela precisa ser consolidada no mercado, com referências sérias e de confiança.

Portanto, não tenha medo de se demorar nessa análise, já que o futuro dos seus investimentos também depende de uma boa instituição financeira.

6 – Hora de abrir a conta

abrir-conta-em-corretora-como-investir-dinheiro

Escolheu a instituição? É o momento de abrir a sua conta para saber como começar a investir.

Normalmente as empresas permitem que você faça essa abertura através da internet.

Isso porque, as boas instituições financeiras contam com aplicativos, onde você pode acompanhar os seus investimentos em tempo real.

Então, basta fazer a abertura da conta informando os dados que são solicitados, como:

  • Nome;
  • Endereço;
  • E-mail;
  • CPF.

Em alguns casos será necessário fazer o envio do seu documento pessoal e até mesmo do comprovante de endereço.

7 – Transfira o dinheiro e comece a investir

O passo seguinte de como começar a investir é transferindo o dinheiro para a conta que você abriu.

Nesse caso é válido salientar que você deve fazer a transferência através do TED ou DOC de outra conta que esteja em seu nome.

Feito isso, você já pode entrar no site ou aplicativo da instituição e buscar pelos investimentos que você deseja aplicar.

Para isso, análise alguns aspectos, como:

  • Riscos envolvidos;
  • O valor inicial da aplicação;
  • Prazo de aplicação

    Conclusão

    O que você está esperando para começar a investir e fazer o seu dinheiro crescer?

Veja também: Hábitos Para Economizar Dinheiro – 10 Dicas

Relacionados

6 comentários para “Como começar a investir em 7 passos ?

Deixe seu comentário

© 2022 - Como Investir Dinheiro